Conexoes no Cerebro dos Bebes

Auxiliando na Alfabetizacao na Primeira Infancia

Folheto para Pais e Cuidadores


Prezados Pais,

A partir do minuto em que a sua preciosa criança nasce, você passa a ser o seu(sua) primeiro(a) professor(a). Novas pesquisas mostram que o primeiro ano de vida é um período crítico para ajudar as crianças a se tornarem conscientes da linguagem. O cérebro do bebê desenvolve-se rapidamente. O cérebro está fazendo conexões na medida em que o bebê aprende sobre o mundo. Toda vez que você fala, toca, abraça, embala, canta ou lê para ele, você está ajudando seu cérebro a desenvolver. Isto surpreende você? É um fato. Embora ele talvez não entenda as palavras, seu bebê aos poucos irá começar a fazer conexões entre as palavras e o seu sentido.

No fim do primeiro ano os bebês começam a usar algumas palavras.   O tempo que você passou falando, brincando, interagindo e lendo para a sua criança irá fornecer a ela uma base forte para o aprendizado da fala e das novas palavras na medida em que ela cresce. Estas habilidades irão preparar bem a sua criança para o aprendizado de sucesso na pré-escola e no jardim de infância. Existe até evidência de que falar com os bebês durante o primeiro ano de vida pode ajudá-los a se tornarem melhores aprendizes durante a escola elementar e também ajudá-los mais adiante.

Alguns pais podem ter dúvidas sobre o que fazer com essas informações. Outros podem estar procurando idéias e apoio. Como você pode ajudar o desenvolvimento do cérebro do seu bebê durante o primeiro ano? Para isso for criado O Guia dos Pais. Todas as idéias e atividades no guia foram desenvolvidas por especialistas em desenvolvimento infantil e testadas por pais. Não há nada que você não possa fazer. Você é o primeiro(a) professor(a) do seu bebê e provavelmente o mais importante.  Aproveite enquanto ensina o seu bebê – todas as atividades são fáceis, divertidas e de graça!
Cheque o nosso website: www.babybrainconnection.org: Parents Guide for the 1st Year. Assista videos curtos para mais idéias e atividades sobre como falar, brincar, interagir e ler com o seu bebê. Todas as informações são de graça e podem ser lidas, copiadas ou baixadas.

 
Exemplos de Actividades

Falando

Continue Falando:
Fale com a sua criança sobre tudo o que você faz quando vocês estão juntos. “Eu estou levando você para a cozinha”. “Eu estou trocando a sua fralda”. Converse sobre o que você está fazendo, o que a sua criança está fazendo e o que ela vê. Converse com o seu bebê durante o dia, aponte para as coisas e fale o nome delas. Assim as crianças irão 1) se tornar acostumadas com o som e os padrões da linguagem e 2) aprender mais palavras ….quando você alimenta, brinca, veste, banha, caminha, vai às compras e visita os amigos. Você também pode falar enquanto está brincando e lendo.

Fala de Bebê:  Bebês são muito responsivos quando você conversa com eles num tom de voz mais agudo, devagar e com expressão.  Fale devagar e use uma voz divertida e carinhosa,  alongue as palavras e fale num tom mais agudo, mas não mais alto. Enquanto você fala desse jeito, segure o bebê perto do seu rosto e olhe direto nos olhos dele.  Diga coisas do tipo, “Você é um bebê especial”.  “Olha estes dez dedinhos”. De tempo em tempo , varie o som da sua voz, alta, baixa, musical, suave, etc.
Rosto de Bebê: Olhe no rosto do seu bebê enquanto estiver falando. Seja expressivo(a): sorria e faça caras engraçadas. Outra atividade consiste em apontar para cada parte do rosto do seu bebê e falar sobre ela., (“o seu nariz ajuda você a respirar”, etc)
Repetindo sons e palavras:  Bebês geralmente respondem a sons repetidos. Eles também repetem os sons iniciais, qualquer que seja a língua. Enquanto você estiver embalando ou acariciando, repita a mesma sílaba várias vezes... “Ma Ma, Pa Pa.” Aos 3-6 meses, os bebês começam a fazer uma porção de sons, os quais você pode repetir. Este sons simples irão mais tarde se tornar palavras.  O quanto mais você repetir os sons do seu bebê, mais eles ficará motivado para produzir mais sons.

Brincando & Interagindo

Animais da Fazenda: Ascrianças aprendem conceitos de linguagem através de brincadeiras. Crianças pequenas parecem fascinadas com animais quando os vêem nos livros. (Brinquedos,figuras nos livros, e fotos de animais de fazenda podem ser impressas do computador). Introduza as figuras de animais de fazenda ao seu bebê. Mostre cada animal ao seu bebê, fale o nome do animal e imite o barulho que ele faz.. Movimentos do Bebê:  Os bebês parecem estar em cosntante movimento quando acordados. Coloque um cobertor no chão. Deite o seu bebê no cobertor. Observe como ele se move. Fale com elesobre os movimentos que ele faz; por exemplo, “Você está mexendo as suas pernas”. Ritmo: Quando um bebê responde ao som ou imagem a sua volta, estimule o movimento das pernas, braços ou da cabeça apoiando-a. Você também pode mover os braços e as pernas dele em movimentos grandes incluindo cruzando-os sobre o corpo.  Acredita-se que os movimentos e atividades ajudam a liberar neuro-transmissores no cérebro que ativam a memória. Movimentos de Espelho: As crianças adoram imitar. Sente-se no chão com a sua criança no seu colo de frente para um espelho grande. Faça movimentos e observe se a sua criança imita você. Levante os braços, toque o seu nariz, mexa no seu cabelo e toque na sua barriga. Repita esta atividade divertida no futuro. Variação: sente-se em frente à sua criança e faça movimentos engraçados.

Leitura
(A biblioteca pública é um grande recurso com livros de graça.)
Comece a ler cedo para a sua criança: As rimas e músicas da Mamãe Ganso estimulam a linguagem e o ouvir.
Livros de Figuras: Selecione livros com frases curtas e ilustrações simples. Os livros com figuras grandes e palavras simples aumentam a curiosidade e o senso visual da criança.

Selecione assuntos próprios para bebês: Escolha livros sobre animais, rotinas (hora de dormir, se vestir), comidas ou livros com muitas ilustrações vivas e poucas palavras. Fale sobre o que você vê em cada página e não se preocupe em seguir a estória.

Faça da leitura em voz alta uma atividade diária: Ler em voz alta é uma das melhores atividades para estimular a linguagem e as habilidades cognitivas; e também estimular  a motivação, curiosidade e a memória.
Ver, tocar e sentir: As pesquisas mostram que as áreas do cérebro que controlam a visão e a integração sensorial são as primeiras a desenvolver. Por isso, desde cedo, tente os livros que tem pelo e outras texturas, cores vivas ou aqueles que fazem barulho de apito, chocalho, guincho e música.
Livros tem gosto bom: Os bebês exploram com a boca — as crianças às vezes seguram o livro e colocam na boca. O livro se torna um objeto do dia a dia e o bebê se sente confortável brincando com ele.